quarta-feira, março 28

Spared yet?

"That impossible anger strangling the grief, until the memory of your loved one is just... poison in your veins. And one day, you catch yourself wishing the person you loved had never existed so you'd be spared your pain."

Henri Ducard in Batman Begins

quinta-feira, março 15

Tristes Tempos...

Se tento... sou inconveniente como um puto. Se alinhásses, serias uma puta.

mas... "Eu estou livre,
e tu estás live"
e houve uma noite pa'pass(e)ar


[ráiz parta! afinal este é que é o mais fuleiro de todos quantos... até "levou" edição]

terça-feira, maio 30

«A Noiva Cadáver»





"If I touch a burning candle I can feel no pain. In the ice or in the sun it's all the same. Yet I feel my heart is aching. Though it doesn't beat, it's breaking. And the pain here that I feel... try and tell me it's not real. I know that I am dead... yet it seems that I still have some tears to shed."

p.s.: os meus agradecimentos.

Tenho para mim que...

No Amor as coisas muito, muito, muito, muito, muito, muito, muito, muito, muito, muito, muito, muito, muito, mas mesmo muito, muito, muito, muito, muito, difíceis num valem a pena. E que as coisas que só são muito difíceis também não!

p.s.: O amor à primeira vista é uma coisa que poupa muito tempo.

segunda-feira, maio 29

O Guenhónhó...

recomenda a leitura deste link.
são dois minutos que é só rir.

. 17 .

Ahh mas ah! Mas há! Goiaoia alguém nos roubou o 400!!!

sexta-feira, maio 26

. 16 .

Dei a mão ao Cid carinhoso e voei até Nova Iorque.
(Cid querido, não me abandones tu também)

. 15 .

Ela sabe que é quem acaba por salvar as horas de trabalho aos motoristas que conduzem os autocarros onde todos os sagrados dias mostra o passe social. Ela sabe que as suas costas e o peito traduzem a vida aos senhores que na vez de olharem a fotografia preferem olhar o decote do dia. Ela sabe que é a única que entra e diz bom dia ainda com voz de cama, nuns saltos que já fazem parte do seu corpo, e as unhas compridas e pintadas a rigor. Ela sabe isso tudo mas nem sequer os vê.

quinta-feira, maio 25

. 14 .

(faltam 208)

. 13 .

Tenho

. 12 .

que

. 11 .

vir

. 10 .

aqui

. 9 .

e espalhar

. 8 .

glamour.

terça-feira, maio 23

.7.

Uma hora numa noite que já foi de significados maiores, o único amante que tive, disse-me que tinha que deixar de ser assim(...). Eu entendi-o. Deixar de ser assim significa que não posso desejar um amante perfeito, quem fala de amantes, fala de namorados, de maridos, de homens no geral. Ele entende que têm que ser perfeitos, eu não entendo a perfeição. As relações duram o que têm para durar, não se esticam prazos de validade,e novamente por favor para a mesa do canto um novo prazo. Esticamos a corda outra vez?

.6.

Ela acorda duas horas antes da hora marcada para sair de casa. Ele meia hora. Ela sai da cama para a cozinha, onde enfia o nariz na loiça da máquina e começa a arrumá-la. Ela segue para outra máquina, desta vez a da roupa e vai beijar o sol na rua ainda de camisola de dormir. Ele continua na cama, nem sequer sente a falta da pele que lhe escapou. Ela continua e desta vez entre comida e almoços a preparar, senta-se a comer o doce da mãe nas torradas quentes e o chá sem açucar. Ele levanta-se. toma banho e veste-se. Agora é a vez dela, o seu pequeno mundo de cremes e shampos de vernizes a estalarem nas unhas que já foram fortes e arranharam costas como que tenta escrever com força as coisas do amor. Já nem o cabelo ele lhe seca. Saem os dois de casa ao mesmo tempo. um fecha a porta o outro o portão. Ele é, o homem que vive a tua cama há demasiado tempo.

.5.

Eu até pensava que os homens estivessem menos egoístas. Onde andam esses seres que não pensam só neles, e que por rasgos de qualquer ponto de inteligência de partilha até se lembram que as mulheres não são insufláveis (isto também que se lhe diga, mas por agora não)? Concentra-te quinquimaria nos egoístas.

(o pontinho de vista não é esclarecido, nem vai ser)

.4.

Dúvidas existenciais para uma segunda.

- QUEM É QUE LÊ ISTO?
(pausa para café)

- Se uma mulher menina começa a tomar a pílula:
a) O xicozé aparece um único dia, quando aparece.
b) O agente regulador de trânsito manda parar o trânsito da rectaguarda.
c) O xicozé aparece certinho, bonitinho e durante pelo menos quatro dias.

(vá despacha o iogurte que a segiur vem o chocolate)

sexta-feira, maio 19

.3.

A revistinhazinha Maria já não existe? (dúvida que me assaltou a manhã ainda com ramelas nos olhos) Agora temos uma Mariana, Liliana, Joana e Ana Maria... Será? Assunto sem interesse, não decorei o nome da revistaziminizini mas o título, a capa ahh sim! Era assim, A actriz não percebeu, mas mostrou a mama!! Mas nós estavamos lá!...................

.2.

A vida alheia sabe melhor do que a minha. A coisa que se define por meu vizinho roubou (isto não é levantar falsos testemunhos, conheçam a personagem e logo dirão que sim, que ele rouba nos supermercados e tudo) um sinal de (torno a interromper, vou ali ao livrinho de código, é só um minuto...) ........ no portão da sua moradia, e mais nada, ali não se pode estacionar. E o que fiz eu? O senhor não tem autoridade para pôr aquilo ali, e como é quando os filhos aparecem e estacionam na frente do MEU portão? E quando o el Matador aparecer lá por casa onde vai deixar o carro?? Pois dei-me ao trabalho de falsificar uma multa. E multei-o! (quem manda estacionar em frente a um sinal que afinal é MESMO para respeitar? aii

.1. (aos 222 pára)

Pensei seriamente na carta de demissão. Desisto da ideia por enquanto, seria a minha primeira carta de demissão. Mas não. Aos 222 pára o baile, continuo um blog em vias de assassinato com justa causa.

quinta-feira, maio 18

Carta aos fãs (aos tímidos, claro!)

(kinky com a mão esquerda sobre o secador do cabelo,
a da direita tá ocupada a escrever, e o kamasutra tá mais que visto)

Eu juro, que se Portugal ganhar o Mundial, faço uma plástica ao rabo. E silicone com ele!!

E depois não digam que não avisei

Ninguém diz nada não é??? Ahhh deixem-se estar e já vão ver. Acordei agora para a vida e quem não a tem que passe ao lado se faz favor!!

A Cópia II

Descoberto em até-sei-onde:
"Ó Ventoínha, faz-me um filho, quero dizer, faz-me um bico..."

terça-feira, maio 16

olhos no céu, mãos pelo chão

andava distraído pelas ruelas ao sol do meio-dia.
observava os rabos das moças como quem conta moedas à saída do parque de estacionamento.
um fio de baba corria do canto da sua boca e caía na calçada como uma chuva fugaz de domingo.
este era o seu maior prazer. envergonhar as meninas e irritar seus namorados, nas suas camisas brancas, imaculadas, de jubas fartas e dentes brancos perfeitamente alinhados no seu esgar enraivecido, o diabo lhes seque as partes e lhes torne os dentes podres e negros como as almas que carregam.
só o céu e o chão se salvam neste dia maldito. o chão que os despreza, mais os seus pés imundos em sapatinhos portside, o céu porque jamais o atinjem.
As ninfas lhes apertem os calos, raios m'a partem!

sábado, maio 13

O que nasce torto...

... dá orgasmos múltiplos? - aiaiaiaiaiaiai, este meu heterónimo [centro do mundo] é "desenbéstado"; o que nasce torto, tarde ou nunca se endireita, assim é que é, e a minha mãezinha, porém, sempre me disse que o que interessava não era o tamanho, mas sim, o ângulo de erecção (pronto, já "baixou" o espírito do heterónimo novamente). [centro do mundo] o tanas, não ando a postar como alguém digno de usar esse nome na blogoesfera. Tenho saudades da Confraria reunida em Santa Marta, à volta da minha mesa de casada, que veio da Buraca para o Marquês de Pombal (subiu na vida, subiu sim, porque na Buraca eu vivia numa morada que nunca cheguei a decorar - isto queria dizer alguma coisa -, num rés-do-chão e agora são 63 degraus até ao céu da Duque de Loulé), a degustar massas demasiado cozidas (e com camarões a menos).
Já não estou em ponto morto, foi prego a fundo com a primeira, sempre a altas rotações, passei a segunda, a terceira, quarta e quinta, vou em velocidade cruzeiro, sexta a fundo, 50.000 cavalos a galope, a um consumo vertiginoso de 33,3 litros de amor por hora, mas uma vez desengatada, toda a vida desengatada.

quarta-feira, maio 10

Ou vais ou levas

A quatro mãos, el Matador e kinky.

- O que faz a Manuela Moura Guedes ao nosso lado?
(ahahahah... ups)

terça-feira, maio 9

Eu Protesto,

Ané'candam?
Anéque foram?
(xtpazzzxxxtttpááá...)

sexta-feira, maio 5

Eu postopregunto

By Kinky e Última

Caros coleguinhas inlóves, queremos saber quantos cartões amarelos já temos... Quantos são? Estamos em perigo de expulsão?

Tu posta-me! Eu posto-te já!

By Kinky e Última

de mimoira: ele para a forguenete, ela finta-o com o olhar (comenta numa santa conversa...vou ter que desligar). Aproxima-se diz boa tarde...(a blusa era toda preto de botões abertos pelo calor... 40... senhores 40)...(ela descreve com letras... parvalhão do home)

Orações para vários momentos do dia

By kinky e Última,
post a 4 mãos e 2 corpos (os hábitos estão encomendados)!

Freira (1) Levantamento de emoções e terapia da parvoíce. Marca hora e local que eu estou lá.
Freira (2) Com essa energia toda cuidado com ela. Logo à noite na reunião… Coitadinhos que vão sofrerrrrr!!
(…) Volteiiiii para te atormentar! Vou descobrir a tua password e postar com o teu nome (sorriso maquiavélico na fronha do computador). Logo à noite dedico-me à causa ahahahah.
Freira (1) Quase cai da cadeira! Ai os mirones que estão por todo o lado a perguntar porque me estou a rir para o pc… Eu digo-lhes que a minha vida é engraçada. A minha password é fácil, difícil mesmo é o username.
Freira (2) Ahahahahah Esse eu consigo arranjar enquanto o diabo esfrega um olho. Ahahahah
Freira (1) Venham maquiavelices para o blog dos encalhados... Qual ponto morto qual quê... Já vamos em 4 a pedir uma 5.
Freira (2) (eu inda num xei o que é uma quarta quanto mais uma quinta ahahahah, num xei do que falas). Vou parir postas de bacalhau para outro lado. Vou-te enfernizando a vida por sms.

Freira (2) Aqui não se almoça constrói-se posta!!!
Freira (1) Ok... Posta em jejum só pode dar coisa boa! Soa a conventual. Retirada para convento! Urgente! Pró convento sim, mas leva as cervejas e um volume de tabaco. Santas q.b.. Na hora da cerveja bale tudo.
Freira (2) Já nos vejo. De cerveja e vinho do Porto a esfumaçar. Caixas vazias de chocolate pelo chão. Homens a entrar pelos fundos na escuridão, cães a morderem-lhes os calcanhares e no mínimo cinco orgasmos por noite!
Freira (2) (completa aqui, tás a ver este espacinho? tastas. aqui falta-te uma deixa.)
Freira (1) Se faltava uma deixa, depois de ler 5 orgasmos fiquei...fiquei..hum..hum..oh minha santa santinha das rosas, bamos lá depressinha para o tal convento, deixa lá as cervejas e o binho que valores mais altos se alevantão)

(lá fomos)
Freira (1) Descobri que há chocolate preto, branco (…) e ruivo (qualquer associação com as Loiras e Ruivas (gajas boas marca registrada) é pura coincidência, aqui tratamos do tema chocolate...Chocolate é assunto já muito perto do céu!!) (ai...ai...bate na boca...tanta eresia junta...já nem as boas acções me compram um lugar no céu).

Corações onde vão vocês?

Passo só para deixar um sorriso. Porque ontem vi o (a) [Centro do Mundo] e fiquei agradecida aos céus, a todos os deuses, santos e santas por lhe devolverem a alma repleta de coisas boas. A todos vós que deixam por estes dias raptar os vossos corações um enorme sorriso. Abracem o inesperado e saltem sem vertigens!

quinta-feira, maio 4

A Cópia:

[tanto quanto saiba, os créditos para este texto [NÃO] pertence à Joana Alemão da Costa. [Pois esta teve a bondade de me esclarecer de que se limitou a fazer um "foward". Ainda assim, a ela lhe devemos o conhecimento do mesmo. Autoria fica por atribuir a parte incerta, portantuz.]
Personagem que desconheço quem seja, no entanto e porque teve/tem graça (será?), alguém ma fez chegar ao caixote de correio. E eu, nem é por falta de imaginação nem nada: copy & past:
«Nascidos antes de 1986

De acordo com os reguladores e burocratas de hoje, todos nós que nascemos nos anos 60, 70 e princípio de 80 não devíamos ter sobrevivido até hoje, porque as nossas caminhas de bebé eram pintadas com cores bonitas em tinta à base de chumbo que nós muitas vezes lambíamos e mordíamos. Não tínhamos frascos de medicamento com tampas "à prova de crianças" ou fechos nos armários e podíamos brincar com as panelas. Quando andávamos de bicicleta, não usávamos capacetes.
Quando éramos pequenos viajávamos em carros sem cintos e airbags - viajar à frente era um bónus. Bebíamos água da mangueira do jardim e não da garrafa e sabia bem. Comíamos batatas fritas, pão com manteiga e bebíamos gasosa com açúcar, mas nunca engordávamos porque estávamos sempre a brincar lá fora.
Partilhávamos garrafas e copos com os amigos e nunca morremos disso.
Passávamos horas a fazer carrinhos de rolamentos e depois andávamos a grande velocidade pelo monte abaixo, para só depois nos lembrarmos que esquecemos de montar uns travões. Depois de acabarmos num silvado, aprendíamos.
Saímos de casa de manhã e brincávamos o dia todo, desde que estivéssemos em casa antes de escurecer. Estávamos incontactáveis e ninguém se importava com isso. Não tínhamos Play Station, X Box. Nada de 40 canais de televisão, filmes de vídeo, home cinema, telemóveis, computadores, DVD, Chat na Internet. Tínhamos amigos - se os quiséssemos encontrar íamos à rua.

Jogávamos ao elástico e à barra e a bola até doía! Caíamos das arvores, cortávamo-nos, e até partíamos ossos mas sempre sem processos em tribunal.

Havia lutas com punhos mas sem sermos processados. Batíamos às portas de vizinhos e fugíamos e tínhamos mesmo medo de sermos apanhados.
Íamos a pé para casa dos amigos. Acreditem ou não íamos a pé para a escola; não esperávamos que a mamã ou o papá nos levassem. Criávamos jogos com paus e bolas. Se infringíssemos a lei era impensável os nossos pais nos safarem, eles estavam do lado da lei. Esta geração produziu os melhores inventores e desenrascados de sempre. Os últimos 50 anos têm sido uma explosão de inovação e ideias novas. Tínhamos liberdade, fracasso, sucesso e responsabilidade e aprendemos a lidar com tudo.

És um deles? Parabéns!

Passa esta mensagem a outros que tiveram a sorte de crescer como verdadeiras crianças, antes dos advogados e governos regularem as nossas vidas, "para nosso bem". Para todos os outros que não têm idade suficiente pensei que gostassem de ler acerca de nós. Isto meus amigos é surpreendentemente medonho ... e talvez ponha um sorriso nos vossos lábios:

A maioria dos estudantes que estão nas universidades hoje nasceram em 1986...chamam-se jovens. Nunca ouviram "we are the world" e "Uptown Girl"
conhecem de Westlife e não Billy Joel. Nunca ouviram falar de Rick Astley, Bananarama ou Belinda Carlisle. Para eles sempre houve uma Alemanha e um Vietname. A SIDA sempre existiu. Os CD's sempre existiram. O Michael Jackson sempre foi branco.
Para eles o John Travolta sempre foi redondo e não conseguem imaginar que aquele gordo fosse um dia deus da dança. Acreditam que Missão Impossível e Anjos de Charlie são filmes do ano passado. Não conseguem imaginar a vida sem computadores. Não acreditam que houve televisão a preto e branco.
Agora vamos ver se estamos a ficar velhos:

1.. Entendes o que está escrito acima e sorris
2.. Precisas de dormir mais depois de uma noitada
3.. Os teus amigos estão casados ou a casar
4.. Surpreende-te ver crianças tão à vontade com computadores
5.. Abanas a cabeça ao ver adolescentes com telemóveis
6.. Lembras-te da Gabriela (a primeira vez)
7.. Encontras amigos e falas dos bons velhos tempos
8.. Vais encaminhar este e mail para outros amigos porque achas que vão gostar.
SIM ESTÁS A FICAR VELHO!!
(mas a idade é um estado de Espírito, certo!?)»

Faz sentido??

Acordo e adormeço sem ti, parte II

Em suma...

«De dia não como,
Penso em Ti.
À noite não durmo,
Tenho fome.»

in Numa Lembra Masnum Émeu.

Loiras e Ruivas parte I

By kinky e Última, post a 4 mãos!

Remix chat google talk (os nomes são fictícios para proteger a integridade intelectual das autoras, e afastar a vergonha das tardes de vazio completo) (as entrelinhas são censuradas pelo nosso alter ego, que continua com fé em nós!) (impossível de datar pois isto exigiu um esforço da nossa inteligência durante uma semana!)

Ruiva: eu tenho um cigarro guardado p fumar contigo (o cigarro voou pela janela e elas cruzaram a perna ao computador)

Ruiva: ta calor, tenho sono, quero praia, quero um homem
(eu preciso de um gajo, confesso aqui a estas duas paredes)

Loira: ahahahahaha e eu tambémmmmm!!!! sexta sexta...praia, borga, gajos, praia, jantar, borga, gajos
Ruiva: e boas nós! vai ter que ser...queremos momentos de ocasião...dois por favor, bem temperados!
Loira: Decotes há? Saltos altos há? Queremos dois momentos de ocasião, por favor...urgente!!! (Tudo o escrito depois do PI foi publicado, PI inclusive, temos conversa de bolinha vermelha na janela!!)
Ruiva: dois momentos de ocasião pedias tu? (falamos de homens, em dias que não prestamos)
Loira: a ocasião começa numa ida às compras em que se gasta dinheiro. Quero ser loira!!!
Ruiva: Publica tudo, tudinho a descoberto!
Loira: A descoberto vou-me pôr na sexta só loucura com a dupla boas explosivas!
Ruiva: Garantido que é boa e já é marca registrada. Eu arruivo-me...será que ruiva está na moda?
Loira: ruivas está assim na moda e loiras? Loiras estão?
Ruiva: loiras são eternamente moda! loiras e moda está tudo ligado
Loira: mas quero ficar TODA loira! Ahahahah (não se pode publicar isto)
Ruiva: Querias of the record...A minha depiladoura, ou deira, não sei como chamar a classe profissional do arranca pelos, diz que toda loira é completamente possível com produtos especiais e tal.. (Engolidas pela tecnologia...engolidas pela tecnologia é muito bom)
Ruiva: Eu a fingir que trabalhava e aqui estás tu de volta! Que indecente!
Loira: Eu não posso falar de trabalho...volto a repetir...não pode ser publicado!
Ruiva: Vamos ter um post em branco de Título censurado, isto vai mexer muito com o mundo intelectual da blogoesfera!
Loira: Ahahahah...tudooo em branco! (loira, branco!) O chefe vai-se (foi-se) ahahah, Disparates!!
Ruiva: 10....povo à vista!
Loira: 10? Polvo à vista? Cuidado, polvos é que não, são primos das lapas e não há nada mais indecente que uma lapa!
Ruiva: As lapas indecentes é muito bom, muito bom mesmo! ...julgavam as bichas que lá por cumprirem a sua função se livravam de uma descrição correctíssima! (Pacote recolha de posts...temos 3... momentos de ocasião, censurado e lapas indecentes)
Ruiva: Mãos à obra...tu és a nossa redactora mais credenciada...eu hoje dou erros atraz de eros
Loira: atraze! (não me posso rir para o pc, tu aponta-me isso)

Fundamental acrescentar: Loira 40 copa C (é demais esta, copa C é muito para os desapercebidos) e Ruiva 38 copa B (modesta com push up)


Qual é o meu username? auxílio...isto de postar dá uma trabalheira! Aguardem próximo episódio na praia, com a cena do protector!! kinky a cena do protector é fundamental, leva toneladas!

Levo toneladas de cenas ou de protectores? Ou... Pois.